07/08/2013

Alerta alimentar!!!!!


Bom dia com muita energia e mais alimentos alcalinos!!! :D




Hoje quero partilhar de forma "não secante" a importância de manter o nosso sangue ligeiramente alcalino... Isto porque não quero que nem eu nem vocês fiquemos velhas cedo demais, nem com doenças que não interessam nada para a nossa beleza... :)

Como já partilhei antes sou cada vez mais fã de me sentir saudável, "limpinha" e com bons níveis de energia... Mas claro que já consumi tudo o que é refinado e processado que anda para aí... E sinceramente associo isso a uma certa ignorância e falta de auto-estima... Amor próprio não é apenas dizer à frente do espelho: "Eu amo-me"...

Amor próprio tem muito a ver com o que fazemos com a nossa vida, com a nossa saúde, e o nosso corpo é o nosso templo, deve ser o primeiro a ser respeitado... E comer com consciência é respeito e amor...

Assim sendo acho super importante entender que a acidez do nosso organismo 
é o único ambiente propício ao desenvolvimento de doenças... Mas uma boa reeducação alimentar pode ajudar a que isso não aconteça:


  • O Nosso sangue é um meio líquido, e como todos os líquidos possui um pH próprio. O pH é a medida de acidez ou alcalinidade do meio, e é representado numericamente numa escala de 0 a 14, sendo pH 0 o mais ácido, pH 14 o mais alcalino, e pH 7 o nível neutro. Como o sangue é um líquido alcalino, deve variar entre um pH de 7,2 e 7,5.

  • Desta forma é importante que a nossa alimentação seja mais alcalina do que ácida... Assim, mantemos o equilíbrio do nosso organismo, evitando muitas chatices... 

  • A maioria da comunidade médica concorda que TODAS as doenças são o culminar da sucessiva saturação ácida do organismo... Desculpem lá mas isto remete-me para uma questão que me revolve um pouco o estômago: somos altamente manipulados pelos media, por toda a industria alimentar e claro pela milionária industria farmacêutica! Todos os jornais deviam abrir com esta notícia, todas as escolas deviam ensinar como prevenir doenças... Deviam haver hortas nas escolas e árvores de fruto, e não xipicaos para o pequeno almoço... mas enfim... não vou mais falar de manipulação social pois isso aumenta a acidez no meu sangue...

  • Com isto percebemos que o sangue ligeiramente mais alcalino (ou seja, não ácido), contribui para um fortalecimento do sistema imunitário, promove a saúde das células e retarda o envelhecimento!!!

  • Para conseguirmos tornar o nosso organismo mais alcalino devemos consumir alimentos vivos, integrais e alcalinos! São muitos os alimentos que podemos consumir e prometo que em breve vou fazer um post só sobre alimentos alcalinos e ácidos. Mas por agora ficam alguns exemplos:

  • Todas as frutas frescas, secas, folhas verdes, legumes, raízes, amêndoas, couve-flor crua, damasco, uva passa, manga seca, pêra seca, figos secos... Em suma, frutas frescas, verduras, raízes e água mineral são fantásticos e devem ser consumidos diariamente!

  • Os alimentos mais ácidos, ou seja, os que pioram a qualidade do sangue com maior intensidade, são todos os tipos de carnes, ovos, leite e os seus derivados (iogurte, queijos, manteiga) e os nossos já conhecidos inimigos: a cafeína, o álcool, cigarros, refrigerantes, fritos, açúcar refinado e tudo o que é processado.

  • Outra curiosidade é que a acidez do corpo também se traduz no nosso estado de espírito e acaba por nos influenciar... A raiva, inveja, ansiedade, ciúme, excesso de julgamentos e críticas são reflexo do que se passa também no corpo físico e vice versa... bora refletir sobre isto e... começar a agir...



Dica para começar:
  • Utilizar o sumo de melancia para limpar os rins e intestinos! A altura do ano é perfeita;

  • Todas as manhãs em jejum beber um copo de água com um pouquinho de sumo de limão... Ele tem um sabor ácido mas, mal chega ao estômago e já está a afetar os líquidos corporais, combinando-se com os minerais alcalinizantes. Este pequeno gesto diário irá começar a fazer grandes diferenças no vosso dia... Eu faço-o todos os dias e até agora só me dei bem, mas como cada corpo é um mundo, o melhor é ficar sempre atenta à reação do corpo a cada alimento... somos todos diferentes... Eu partilho o que resulta para mim...
Beijos*****